Imprimir esta página
Terça, 15 Setembro 2015 15:36

CRAS Arrozal reúne idosos do projeto 'É tempo de viver'

CRAS Arrozal reúne idosos do projeto 'É tempo de viver'

O Centro de Referência de Assistência Social – CRAS – de Arrozal, realizou na terça-feira (15) um encontro com mais de 100 idosos que participam do projeto “É Tempo de Viver”. O evento aconteceu no Espaço Villas Festas, em Arrozal. Participaram da abertura o prefeito Dr Luiz Antonio, o coordenador do CRAS Arrozal, Ailton Carvalho e a assistente social, Rozana de Souza, que palestrou sobre “A vida é a arte de saber envelhecer”.

O coordenador, Ailton Carvalho, ressaltou a participação de todos envolvidos e se disse contente em poder promover um encontro que melhora a auto-estima dos idosos e promove convivência. Além disso, traz a reflexão sobre esta etapa da vida.

O prefeito, Dr Luiz Antonio, aproveitou a oportunidade para parabenizar o trabalho de todos envolvidos no projeto. Salientou que apesar de todas dificuldades econômicas do país e consequentemente do município, o esforço é grande para que todas as atividades continuem sendo promovidas. Isso porque é contínuo o trabalho de organização e economia de recursos para cada que cada vez mais haja avanço em todas as áreas.

A arte de envelhecer

A assistente social, Rozana de Souza, comentou que cada pessoa reage de uma maneira ao envelhecimento.

“Cada um vai envelhecer de um jeito. Isso depende de como eu convivo. De como eu cuidei e cuido do meu corpo, dos meus sentimentos. O que a gente vive durante o envelhecimento são nossas escolhas. A gente pensa que o passado foi bom, mas o futuro também pode ser bom. Precisamos aprender a lidar com isso” complementa.

Aprovado

A aposentada, Sebastiana Maria da Silva, de 64 anos, é aluna da biodanza, da oficina da memória e mente brilhante, além de participar da ginástica. Segundo ela, as atividades favoreceram não só sua saúde física, mas também a ajudaram muito no convívio social.

“Eu era muito tímida e hoje consigo interagir melhor. Encontro como estes são muito estimulantes porque muitas vezes não temos como sair de casa. Então é uma oportunidade para gente distrair e encontrar os amigos que conquistamos aqui” enaltece.

Informações adicionais

  • Subtítulo: “A vida é a arte de saber envelhecer” foi tema de palestra
Lido 2459 vezes