Sexta, 07 Abril 2017 17:07

Professor e gestor Carlos Sousa apresenta o "Rede Cidades Criativas" para Piraí

Professor e gestor Carlos Sousa apresenta o "Rede Cidades Criativas" para Piraí foto: Alexandre Teixeira

Soluções criativas, inovação, empreendedorismo e diversidade cultural. A Prefeitura de Piraí recebeu na tarde desta quinta-feira, dia 6, o professor e gestor Carlos Sousa para falar sobre o projeto Rede Cidades Criativas, com o objetivo de promover a cooperação internacional entre cidades comprometidas em investir na criatividade como uma propulsão para o desenvolvimento urbano sustentável, a inclusão social e aumento da influência da cultura no mundo

A aproximação do município com o conceito que é inovador no Brasil vai ao encontro dos pensamentos de uma nova maneira de construir a cidade. O encontro com o gestor se transformou em uma troca de experiências com ampliações de possibilidades e ideias no âmbito criativo que, segundo Carlos Sousa "possibilitam explorar os potenciais multidisciplinares, como movimentos culturais, o turismo, empreendedorismo e uma co-produção que gera identificação nos moradores locais e também em pessoas de todos os lugares que se sentem parte dessa cidade criativa. Estamos plantando uma semente cujos frutos serão apreciados por todos."

A Rede de Cidades Criativas foi criada pela UNESCO em 2004 e procura desenvolver a cooperação internacional entre cidades (urbes) que identificaram a criatividade como um fator estratégico para o desenvolvimento sustentável. As cidades criativas desenvolvem iniciativas mediante parcerias entre os setores público e privado, organizações profissionais, comunidades, sociedade civil e instituições culturais. A economia criativa é um dos setores em forte crescimento nas cidade de muitos países. Multiplicam-se os espaços e equipamentos criativos, as atividades artísticas e culturais, os serviços criativos, os processos colaborativos. Cinco cidades brasileiras participam atualmente com seus motes culturais, sendo elas Curitiba (design), Florianópolis (gastronomia), Belém (gastronomia), Santos (cinema) e Salvador (música). 

Lido 240 vezes