Sexta, 28 Novembro 2014 10:32

Teste Rápido de HIV é realizado em dezembro

A Secretaria Municipal de Saúde de Piraí promoverá testes rápidos de HIV, Sífilis, Hepatites B e C; além de ações educativas e de promoção em saúde durante o mês de dezembro em todas Unidades de Saúde do município. A iniciativa acontece através do Programa Municipal de DST/Aids/HV e com o apoio do Programa Estadual de DST/Aids/HV (Doenças Sexualmente Transmissíveis, Aids e Hepatites Virais). A iniciativa faz parte do engajamento no Dia de Luta contra Aids, que foi adotado pela Organização das Nações Unidas como dia 1 de dezembro.
 
Os testes rápidos são realizados a partir da coleta de uma gota de sangue da ponta do dedo. Com isso, em menos de 40 minutos é possível saber se a pessoa é portadora do vírus ou não. Caso o resultado seja positivo, acontece o encaminhamento para o serviço especializado. Piraí disponibiliza todo tratamento necessário para o controle da doença: médico, remédios, psicólogo, exames complementares. Qualquer pessoa pode realizar o exame e o processo acontece em sigilo.
 
A coordenadora do programa de DST/Aids e HV da Secretaria de Saúde de Piraí, Marceles Real, garante que é importante que a população compareça para cuidar de sua saúde. Afinal, quando o diagnóstico é precoce, o tratamento consegue garantir qualidade de vida ao portador do vírus.
 
Programação
03/12 – Caiçara - Manhã
04/12 – Centro – Horário Integral
05/12 – Arrozal – Horário Integral
08/12 – Santanésia – Manhã
11/12 – Rosa Machado – Tarde
17/12 – Ponte das Laranjeiras – Manhã
19/12 – Jaqueira - Manhã
 
Capacitação
Equipes estão sendo capacitadas para que em breve aconteça a implantação destes testes rápidos regularmente em todas Unidades da Família do Município. A princípio, no início do ano, gestantes no pré-natal já poderão se beneficiar do teste rápido.
 
O vírus
HIV é a sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana. Causador da Aids, ataca o sistema imunológico, responsável por defender o organismo de doenças.
 
Prevenção
Na luta contra a Aids a prevenção deve ser o maior aliado. Por isso, não ter relações sexuais sem camisinha, não entrar em utilizar de seringas ou objetos cortantes que possuam resíduos de sangue são algumas das iniciativas que contribuem para o controle do vírus. O portador do HIV, mesmo sem apresentar os sintomas da Aids, pode transmitir o vírus.
 
Alerta
A coordenadora do programa de DST/Aids e HV da Secretaria de Saúde de Piraí, Marceles Real, expõe ainda a preocupação com o aumento das taxas de pessoas da terceira idade contraindo o vírus por falta de proteção nas relações sexuais. Ela alerta que a despreocupação com a gravidez interfere no cuidado que precisa ser tomado.
Lido 1753 vezes